quinta-feira, 13 de julho de 2017

Roger marca, Botafogo bate Fluminense no Maracanã e volta a vencer no Brasileiro

A partida desta quarta teve uma ausência de última hora e uma presença ilustre. Um dos destaques do Botafogo, Bruno Silva sentiu dores na coxa e não foi a campo. Já nas arquibancadas, o Maracanã teve o zagueiro Thiago Silva, ex-Fluminense e hoje no Paris Saint-Germain, como espectador.

Pela próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense visitará o Coritiba no Couto Pereira, no domingo, às 19h (de Brasília). No dia seguinte, o Botafogo receberá o Sport no Engenhão, às 20h.
  • Clássico agitado e Botafogo na frente
Os tricolores começaram com tudo e assustaram logo aos 2min, quando Wellington finalizou de dentro da área, com desvio, sobre o alvo. Três minutos depois, foi a vez de Lucas levar perigo com chute cruzado. Os visitantes responderiam aos 7min, com Rodrigo Pimpão parando em Julio César. O goleiro voltar a brilhar no minuto seguinte, desviando cruzamento de Arnaldo e bloqueando chute de Marcos Vinícius.
O Flu voltaria a ficar perto de abrir o placar aos 16min, com chute travado de Reginaldo. Aos 19min, Pedro finalizou cruzado e mandou perto da meta. A equipe da casa ia para cima, e, aos 20min, Wellington cabeceou em Carli.
Apesar do grande momento dos tricolores, os botafoguenses quase marcariam aos 28min. Marcos Vinícius chutou de fora da área e acertou a trave. Aos 35min, Julio César apareceria muito bem novamente para fazer defesaça em pancada de Marcos Vinícius. Aos 39min, o goleiro não conseguiu evitar. João Paulo cobrou escanteio da direita, e Roger cabeceou para o fundo do alvo.
O Fluminense foi para cima em busca do empate antes do intervalo e não teve sucesso. Na melhor chance, Gustavo Scarpa arriscou de fora da área nos acréscimos e mandou perto do alvo.
  • Emoção no fim, mas nada de gols
Na volta para a segunda etapa, o Fluminense foi para a cima, mantinha a bola no ataque, mas pouco finalizava. Assim, o cenário da partida mudou consideravelmente. Aos 8min, Victor Luís cobrou falta da entrada da área com perigo e mandou perto da meta. 
Os mandantes só conseguiram mudar o panorama da partida na parte final. Aos 32min, Lucas levantou da direita, e Matheus Alessandro cabeceou na trave. Três minutos depois, Gustavo Scarpa mandou por cima da barreira em cobrança de falta e viu Jefferson voar para fazer grande defesa.
No minuto seguinte, o Botafogo até marcaria o segundo em contra-ataque, mas o gol seria anulado. Guilherme avançou no campo de ataque, invadiu a área, finalizou forte no ângulo e acertou a trave. Na sequência, Rodrigo Pimpão até estufaria a rede, mas, antes de a bola ter sobrado para ele, Camilo havia feito em Reginaldo.
Apesar dos lances de emoção no momento derradeiro do clássico, o placar não seria mais movimentado, e o Botafogo pôde deixar o Maracanã com os três pontos.

FONTE : MSN

FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário