domingo, 2 de julho de 2017

Poupando jogadores para a Libertadores, Santos fica no empate com o Atlético-GO

De olho nas oitavas de final da Copa Libertadores, Levir Culpi mandou apenas três de seus considerados titulares para o compromisso desta noite. Com alguns
problemas no meio do caminho, e dificuldades, conseguiu sair de Goiânia ao menos com um ponto na bagagem.

Jogando no Olímpico, o Atlético-GO saiu na frente com o rebote de uma cobrança de pênalti, mas o Santos, que passou quase todo o segundo tempo com um jogador a mais, chegou ao empate em 1 a 1, a segunda igualdade da equipe paulista no Campeonato Brasileiro.
Com o resultado o Santos chega aos 17 pontos e ocupa a 4ª posição, podendo ser ultrapassado com os jogos que completarão a 11ª rodada neste domingo e na noite da segunda-feira. Já o Atlético-GO, com apenas sete, segue na lanterna da competição.
  • Jogo dos muitos erros
Depois de um começo de jogo com muitos erros de passes de ambos os lados, foi a vez do sistema defensivo inteiro do Santos errar, inclusive o goleiro Vanderlei. Caju perdeu a bola para Everaldo, que lançou Breno Lopes dentro da área. Nogueira não acompanhou, e o atacante foi derrubado pelo goleiro santista, que chegou atrasado e cometeu o pênalti.
[links titulo="LANCE A LANCE"]
[link titulo="Veja no tempo real os lances, comentários e estatísticas de Atlético-GO 1x1 Santos" url="http://espn.uol.com.br/temporeal/01-07-2017-atletico-go-x-santos"][/links]

Na cobrança de Everaldo, Vanderlei ficou perto de se redimir e conseguiu a defesa, mas a sobra ficou para Andrigo colocar os donos da casa em vantagem aos 13 minutos.
Com apenas meia hora de jogo, a preocupação de Levir Culpa com lesões se justificou. Vitor Bueno teve que deixar o campo carregado, com um problema no joelho, dando lugar para a entrada de Lucas Lima.
Mesmo em desvantagem, o Santos pouco fez nos primeiros 45 minutos. Enquanto o time goiano levava um pouco de trabalho para Vanderlei, do outro lado, Felipe Garcia apenas assistia o jogo, e só aparecia na hora de cobrar tiro de meta. 
  • Tudo igual
O Santos voltou dos vestiários com Thiago Maia no lugar de Alison e, logo aos sete minutos, ficaria com um a mais em campo. Pouco depois de Vanderlei impedir o 2 a 0, saindo bem para travar a finalização de Breno Lopes, Jorginho fez falta em Hernández e recebeu o cartão amarelo. Como já tinha sido advertido, acabou expulso.
Mesmo em vantagem numérica, o Santos ainda encontrava dificuldades, mas empatou aos 23 minutos. Abuda falhou na saída de jogo, e Lucas Lima deixou para Thiago Maia. Depois de ajeitar, o volante encheu o pé bem de longe e marcou um belo gol para deixar tudo igual no marcador.
O time da casa recuou, e a equipe santista passou a pressionar em busca da virada. Apesar de algumas boas chances criadas e pouco trabalho dado pelo Atlético-GO, o placar não foi alterado.
  • Na sequência
O Santos agora foca suas atenções na Copa Libertadores da América. Na quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), a equipe de Levir Culpi vai até Curitiba para encarar o Atlético-PR na primeira partida das oitavas de final. No final de semana, pelo Brasileiro, o compromisso será o clássico contra o São Paulo, marcado para às 19 horas do domingo, na Vila Belmiro. 
Já o Atlético-GO joga pelo nacional no sábado, mais uma vez em Goiânia, contra o Vitória, em jogo marcado para às 16 horas.

FONTE - MSN
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário