terça-feira, 4 de julho de 2017

Com gols polêmicos, Fluminense arranca empate contra a Chapecoense nos acréscimos

No duelo que fechou a 11ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2017, nesta segunda-feira, Chapecoense e Fluminense fizeram, no Rio de Janeiro, um dos jogos
mais emocionantes da competição. No fim das contas, o empate de 3 a 3 ficou no placar.
Jogando em casa, o time tricolor abriu o placar logo n
o primeiro minuto, com um gol de Richarlison, o mais rápido deste brasileiro. Ainda na etapa inicial, a Chape virou com Rossi, aos 12 minutos, e Arthur, aos 41.
Sem poder contar com Henrique Dourado, artilheiro do Brasileiro com 9 gols, Abel Braga deu chances a Pedro. E o atacante correspondeu empatando aos 24 minutos do segundo tempo. Porém, o gol foi polêmico, já que ficou a impressão de que ele completou para o fundo das redes com o braço.
Aos 33 minutos da etapa final, Rossi levou o segundo cartão amarelo e foi expulso, deixando a Chape com um homem a menos em campo.
Mas mesmo assim o time catarinense conseguiu anotar o terceiro gol, novamente com Arthur e novamente com polêmica, já que não houve certeza se a bola entrou ou não, mas a arbitragem validou o gol.
Nos acréscimos, o Flu chegou ao empate com Marcos Júnior.
Com este resultado, o Fluminense chega aos 16 pontos e sobe para a sétima colocação. Já a Chape segue em 15º com 14 pontos ganhos.
O resultado também mantém o tabu do Fluminense, que jamais venceu a Chapecoense na história. Em sete jogos, cinco vitórias dos catarinenses e dois empates.

FONTE - MSN
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário