quinta-feira, 22 de junho de 2017

Cirúrgico, Botafogo bate Vasco com facilidade e entra no G6

O Botafogo mostrou força nesta quarta-feira ao vencer por 3 a 1 o Vasco, no estádio Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os alvinegros chegaram a 15 pontos, sendo quatro jogos sem perder e entraram no G6 da Série A. Já os cruzmaltinos permanecem com 12, sem pontuar fora de casa e viram o adversário ultrapassá-los na classificação.
O Botafogo abriu o placar logo no início da partida com Roger. O Vasco pressionou em busca do empate, mas viu os alvinegros ampliarem no fim da etapa inicial, com Victor Luís. No segundo tempo, Roger marcou seu segundo, o terceiro dos donos da casa para sacramentar o triunfo diante de sua torcida. Os cruzmaltinos ainda diminuíram no fim, com Caio Monteiro.
Na próxima rodada, o Botafogo vai receber o Avaí, na segunda-feira, no estádio Nilton Santos. Já o Vasco entra em campo na manhã de domingo, quando encara o Atlético-GO, em São Januário.
O jogo – O clássico começou com o Botafogo tendo mais o domínio das ações, tanto que os alvinegros abriram o placar na primeira chance, aos quatro minutos. Bruno Silva cruzou pela esquerda na cabeça de Roger, que colocou no canto, sem possibilidade de defesa para Martín Silva.
O revés fez o Vasco buscar o ataque com mais intensidade. No entanto, os cruzmaltinos não conseguiam concluir com perigo ao gol de Gatito Fernández. O Botafogo se preocupava em não dar espaço ao adversário, mas chegava com mais qualidade no campo ofensivo. Na melhor chance, aos 16 minutos, Matheus Fernandes chutou por cima do travessão.
Com o tempo, os vascaínos passaram a ter o domínio da posse de bola, mas seguiram tendo dificuldade em criar boas jogadas. Somente aos 30 minutos, os visitantes quase empataram o jogo. Após falta cobrada na área, Jean desviou de cabeça e quase acertou a rede.
O panorama da partida seguiu o mesmo na parte final do primeiro tempo. O Vasco buscava o empate, que quase aconteceu aos 46 minutos, com Luís Fabiano. No entanto, o atacante cabeceou por cima do travessão. O Botafogo quase não avançava, mas conseguiu ampliar a vantagem no último lance da etapa inicial. Victor Luís acertou belo chute em falta cobrada de longe, sem chance para Martín Silva.
No segundo tempo, o Vasco permaneceu tendo mais posse de bola, mas pecava nos passes no setor ofensivo. O Botafogo, quando chegava ao ataque, era mais perigoso. Tanto que aos seis minutos, Rodrigo Pimpão assustou em chute por cima do gol. A resposta dos cruzmaltinos veio dois minutos depois. Gilberto acertou belo chute da entrada da área e acertou o travessão de Gatito Fernández.
A partida ganhou em emoção, pois o Botafogo passou a aproveitar os espaços dados pelos vascaínos. Aos dez minutos, Arnaldo fez boa jogada pela direita e cruzou para João Paulo, que chutou sobre o travessão. Na segunda oportunidade, os donos da casa chegaram ao terceiro gol no Nilton Santos, aos 17 minutos. Após bola rebatida errada pela zaga cruzmaltina, a bola sobrou para Roger, que chutou sem chance para Martín Silva.
Com a larga vantagem no placar, o Botafogo diminuiu o ritmo, mas seguiu com o controle da partida. O Vasco sentiu o gol e só foi assustar aos 25 minutos. Após cobrança de escanteio, Luís Fabiano escorou e Douglas cabeceou próximo a trave alvinegra. Quatro minutos depois, foi a vez de Paulo Vitor cabecear sozinho para fora.
Na parte final do jogo, o Vasco seguiu no ataque e conseguiu seu gol aos 39 minutos. Luís Fabiano disputou a bola com Igor Rabello na área, levou a melhor e tocou para Caio Monteiro empurrar para a rede. Os alvinegros reclamaram de falta do atacante cruzmaltino na jogada. No entanto, o Botafogo soube administrar o resultado até o fim para sair de campo com os três pontos.
FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 3 X 1 VASCO
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 21 de junho de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Renda: R$ 363.610,00
Público: 13.287 pagantes
Cartões amarelos: Victor Luís, Joel Carli, Roger, João Paulo e Dudu Cearense (Botafogo)
GOLS
BOTAFOGO: Roger, aos 4min do primeiro tempo e 15min do segundo tempo; Victor Luís, aos 49min do primeiro tempo
VASCO: Caio Monteiro, aos 39min do segundo tempo
BOTAFOGO: Gatito Fernández, Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Víctor Luís; Rodrigo Lindoso (Montillo), Bruno Silva (Guilherme), Matheus Fernandes (Dudu Cearense) e João Paulo; Rodrigo Pimpão e Roger
Técnico: Jair Ventura
VASCO: Martin Silva, Gilberto, Breno, Paulão e Henrique (Madson); Jean, Douglas, Yago Pikachu (Paulo Vitor), Mateus Vital (Caio Monteiro) e Nenê; Luis Fabiano
Técnico: Milton Mendes

FONTE - MSN
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário