sábado, 17 de junho de 2017

Ceará esbarra em golaço no fim e só empata com Luverdense em casa

Em situações completamente opostas na Série B, Ceará e Luverdense protagonizaram um duelo bastante disputado nesta sexta-feira, na Arena Castelão, que terminou em empate
em 1 a 1. Iniciando a rodada como quarto colocado, o time cearense sabia da necessidade de conquistar três pontos em casa para se manter nas primeiras posições, no entanto, após abrir o placar logo aos 15 minutos de partida com Rafael Carioca, sofreu o em

pate já no final do jogo com um lindo gol de Léo Cereja.
Tendo de lidar com bastante oscilações neste início de Série B, o técnico Givanildo terá o fim de semana completo para corrigir os erros de sua equipe. Sem jogar na elite do futebol nacional desde 2011, o clube sabe da necessidade de alcançar o acesso em 2017, mas para isso terá de conquistar uma regularidade, ao menos, nos jogos em casa para não deixar os principais concorrentes se distanciarem. O Ceará tentará recuperar os pontos perdidos em casa no mesmo dia, contra o Vila Nova, no Serra Dourada, às 21h30.
Já o Luverdense segue em busca da sua segunda vitória na Segundona na próxima terça-feira, quando encara o Figueirense no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, às 20h30 (de Brasília). Após oito rodadas o time mato-grossense ainda não conseguiu se distancias da zona de rebaixamento e já ligou o alerta.O jogo - O Luverdense dificultou a vida do Ceará no início do jogo. Muito bem compactado, o time mato-grossense, no entanto, sofreu um gol logo aos 15 minutos. Em cruzamento da direita, Mano Alves escorou para a entrada da área, a bola desviou em Moacir e sobrou livre para Rafael Carioca ficar na cara do gol e empurrar para o fundo das redes.
Com o gol no começo da partida o Ceará se animou e foi para cima do Luverdense. Trabalhando bastante a bola, o Vozão se jogou no ataque tentando encontrar brechas na defesa adversária, no entanto, o bloqueio da defesa rival armado em campo impediu que a superioridade dos donos da casa fosse convertida em gols.
O Luverdense, por sua vez, tentava o empate em algumas jogadas esporádicas. Quando não conseguia encaixar um contra-ataque, o time optava por alçar a bola na área, mas a imprecisão nos cruzamentos não permitiu aos visitantes igualarem o placar antes do intervalo.
No segundo tempo o Ceará teve a oportunidade de ampliar o placar aos 13 minutos e ficar mais tranquilo na partida, porém, o zagueiro Valdo, livre na área após cobrança de falta, cabeceou sem direção. Seguindo sem conseguir criar chances claras de gol, os donos da casas não sabiam que pagariam tão caro pelo lance desperdiçado.
Aos 30 minutos da etapa complementar, Rafael Ratão fez boa jogada pela direita e mandou para dentro da área. Depois de cruzar a defesa, a bola parou em Léo Cereja, que de costas para o gol de um lindo drible em Tiago Cametá antes de bater certeiro no cantinho com a perna esquerda para empatar o duelo para o Luverdense.
Antes do apito final o Luverdense ainda quase virou o jogo em cabeçada de Pablo após cobrança de escanteio, mas a bola acabou passando próximo da trave direita de Éderson.
FICHA TÉCNICA
CEARÁ 1 X 1 LUVERDENSE

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 16 de junho de 2017, sexta-feira
Horário: 20h30 (Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Herman Brumel Vani (ambos de SP)
Público: 4002 pessoas
Renda: R$ 22.981,00
Cartões amarelos: Paulinho (Luverdense)

GOLS:
CEARÁ: Rafael Carioca, aos 15 minutos do 1ºT (Ceará); Léo Cereja, aos 30 minutos do 2ºT (Luverdense)

CEARÁ: Éverson; Tiago Cametá, Rafael Pereira, Valdo e Romário; Richardson, Jackson Caucaia (Pio), Pedro Ken e Rafael Carioca (Alex Amado); Roberto e Magno Alves (Arthur). Técnico: Givanildo Oliveira
LUVERDENSE: Diogo Silva; Aderlan, Pablo, William e Paulino; Ricardo, Moacir, Erik (Léo Cereja) e Cléo Silva (Marcos Aurélio); Rafael Silva e Raphael Macena (Rafael Ratão). Técnico: Júnior Rocha

FONTE - MSN
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário