sábado, 29 de abril de 2017

Colunista diz que 10 conselheiros já recusaram fazer parte do grupo gestor do Fortaleza

A formação do conselho gestor que vai administrar o
Fortaleza até o fim de 2017 está encontrando problemas para ser criado. Segundo informação publicada na coluna do jornalista Alan Neto na edição desta sexta-feira, 28, do Jornal O POVO, 10 conselheiros importantes já rejeitaram o convite ao serem consultados. Ainda de acordo com o colunista, o atual endividamento do clube, com débitos de R$ 2 milhões, seria o principal motivo das recusas.
Em nota oficial divulgada na última quinta-feira, 27, o Conselho Deliberativo do Leão do Pici adiou a reunião que definiria a escolha dos dois nomes que vão compor o grupo junto ao atual presidente Jorge Mota. Postergada para o começo da próxima semana, o encontro ainda não possui uma nova data agendada.
Veja o trecho da coluna:
"PRESENTE DE GREGO

. PODE ruir por terra aquela ideia da composição de um grupo gestor pra tocar os destinos do Fortaleza.
. INCRÍVEL que pareça, dez conselheiros de peso consultados rejeitaram a ideia, respondendo negativamente.

. O MAIS forte de todos reuniu oito conselheiros com bala agulha em seu apartamento pra troca de ideias.
. ASSUNTO posto à mesa, quem se habilitaria a compor o grupo, todos tinham uma desculpa pra dar um não.
. UM deles alfinetou: "Pegar um clube com mais de R$ 2 milhões de dívidas, isto é presente de grego".
. RESUMO da ópera. Única saída seria a renúncia de Jorge Mota e diretoria atual. Esta possibilidade é zero."

FONTE - O POVO
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ WAT SAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário