quarta-feira, 15 de março de 2017

FORTALEZA - EXPLICAÇÃO Éverton diz que procurador se precipitou e reafirma "identificação" com o Fortaleza


Depois do fim de semana marcado por uma reviravolta e algumas polêmicas, o meia Éverton, que
acertou seu retorno ao Fortaleza, falou pela primeira vez sobre
a tumultuada negociação que marcou sua volta do futebol cearense. O jogador negou que já tivesse acertado com o Ceará e afirmou que não sofreu ameaças que o fizeram mudar de opinião. As declarações foram feitas em participação no programa Trem Bala, da Rádio O POVO/CBN.


"Chegou uma proposta pro meu procurador e eu falei pra ele que ia pensar. Ele se precipitou em anunciar. Eu conversei com Robinson no final da tarde de sábado, 12, pra agradecer e falei que estava negociando com outros clubes. Eu falei pro meu procurador que não era legal eu ir pro Ceará, por respeito a torcida dele e também por respeito ao Fortaleza", explicou.

O atleta ressaltou que sua intenção era de jogar novamente no Leão do Pici e reafirmou sua condição de torcedor do clube. "Minha identificação está no Fortaleza Esporte Clube. Como eu sempre falei, vou respeitar o rival, mas todos sabem que eu sou Fortaleza", comentou. 

O meia refutou que tenha sido alvo de ameaças e disse que "as pessoas colocam muita coisa que é mentira nas mídias sociais". Ele ainda admitiu que manteve contato com o técnico Marquinhos Santos desde que o profissional deixou o Figueirense. "Desde que o Marquinhos saiu do Figueirense que eu tenho conversado com ele. Eu não estava jogando e entrei num acordo com o clube pra acertar minha saída".

Éverton segue em Florianópolis acertando detalhes burocráticos de sua rescisão com a equipe catarinense e deve chegar em Fortaleza no decorrer dos próximos dias.

FONTE - O POVO
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92026830 CLARO (88)9 -98602540  TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ . NO  QUE É WATSAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário