terça-feira, 20 de dezembro de 2016

CEARÁ - Ceará estipula teto de R$ 50 mil para salário de atletas no Cearense 2017

Contratações e definição de elenco são as prioridades do Ceará neste momento. Junto com esse pensamento, o presidente do clube, Robinson de Castro, decidiu por uma importante conduta para acertar com os reforços: segundo informações do jornalista Sérgio Pontes,
da Rádio O Povo / CBN, o dirigente estipulou teto de R$ 50 mil para salários de atletas no Cearense 2017.


A lógica é simples: não vem para o Alvinegro quem quiser salário superior a R$ 50 mil. O meia Ricardinho, contratado, e o atacante Rafael Costa, que teve contrato renovado, tiveram que se adequar a nova regra no clube. Magno Alves, que busca ganhar o dobro no Vovô, terá que aceitar essa medida ou não vestirá a camisa do clube na temporada 2017. 

Esse valor será proposto apenas para atletas de mais nome no elenco. A maioria deve, portanto, ganhar abaixo dessa quantia. O teto muda quando o assunto é a Série B do Brasileiro: para essa competição, o valor máximo determinado pelo clube é de R$ 60 mil para salários.

Além de Ricardinho, o Alvinegro contratou o lateral direito Éverton Silva, ex-Joinville, os zagueiros Luiz Otávio, ex-Sampaio Corrêa, e Rafael Pereira, ex-Náutico, o lateral esquerdo Romário, que estava no Atlético-GO, o volante Jackson Caucaia, que jogou a Série A pelo Fiqueirense. Assim, nenhum deles ganhará acima desse valor.


A diretoria também definiu os atletas que seguirão em Porangabuçu: Lauro, Éverson, Sandro, Tiago Cametá, Valdo, Raul, Emerson Santos, Richardson, João Marcos, Felipe e Rafael Costa.




COM INFORMAÇÕES DO O POVO
FONE: 34121595 FIXO - (88) 9-92.026.830 CLARO (88) -98602540 9 TIM
JORNAL CENTRAL  QUIXADÁ . NO  QUE É WATSAPP 88 - 9 - 96331144
POSTADA  POR GOMES SILVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário